quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Falando sobre: Hamatora

Música da vez ~ Flat ~ Livetune feat Yuuki Ozaki (Abertura da 1ª Temporada de Hamatora)



O ano é 2013 (Yokohama) e “Hamatora” é uma agência de detetives formada por Nice e Murasaki, mas o seu “escritório” é a mesa do Café Nowhere, onde eles e os seus amigos esperam por clientes. Um velho conhecido deles, o policial Art contrata-os para um caso de assassinatos em série que ele está investigando, acabando por descobrir que todas as vítimas são “Minimum” (“Minimo” ou “pequeno milagre” – poderes hereditários especiais descobertos apenas num número extremamente limitado de seres humanos. Aqueles que possuem tais poderes são conhecidos como “Minimum"). Como Nice e Murasaki são usuários do “Minimum” quer queiram ou não, eles são arrastados para este caso.

A série possui Mangá, Animes (2ª temporada sendo lançada agora), Jogo pra 3DS, peça de teatro e novela. O mangá, escrito por Kitajima Yukino e Kodama Yuki e ilustrado por Wazu Yuu, é considerado como antecedente ao anime, pois Nice e Hajime são membros do Hamatora e Murasaki tem como missão trazer o rapaz de volta a Academia Facultas. Este possui dois volumes completos lançados.

Para amantes de detetive como eu, essa série é uma boa dica.

E pessoal, pra quem se interessar pelas músicas que eu coloco no meu post, elas estão todas aqui ~ https://www.mediafire.com/#x2o5d9ankil37 devidamente tageadas com nome da música, nome do cantor, nome do anime/dorama e distinção ([A] para Anime e [D] para dorama).

sábado, 23 de agosto de 2014

Falando sobre: Miho Fukuhara

~ Haruyuki ~

Música da vez: Miho Fukuhara ~ Cry no More



Miho Fukuhara é uma cantora japonesa nascida na cidade de Sapporo em Hokkaidou em 1987. Os pais de Miho Fukuhara gostavam muito de música então desde pequena ela sempre foi rodeada de uma vasta quantidade de estilos musicais (especialmente música americana). Em dezembro de 2002, ela teve a chance de aparecer em um programa de competição de karaokê na TV e cantou “All I Want For Christmas Is You” da Mariah Carey e foi reconhecida pelos juízes do show por seu talento.

Em maio de 2006, após acabar os estudos, ela debutou como uma artista indie na gravadora indie de Hokkaido Yumechika Records com o cover single “The Roots”, onde a principal canção era um cover de “Sir Duke” de Stevie Wonder. O single debutou em #3 na loja da HMV de Sapporo. Quando fazia lives em lojas, shoppings, etc., ela vendia umas 100 cópias por live. Em outubro do mesmo ano, lançou um mini-álbum chamado “StepOut EP”, com algumas canções originais e alguns covers. Juntamente, ambos os releases venderam 6 mil cópias.




Em 2007, Fukuhara entrou para a Sony Music Records Japan e devido ao seu debut, lançou um cover de “Becaused You Loved Me” da Celine Dion no álbum de compliação “Tribute To Celine Dion”. Seu single debut, “CHANGE”, fora lançado em abril de 2008, seguido de “Himawari” em julho, “Yasashii Aka” em novembro, “LOVE winter song” em dezembro e seu recentemente anunciado álbum “RAINBOW” para janeiro.


Ela cantou a música "Save Me" com a Leona Lewis. O single foi lançado em Maio de 2012.

Eric Martin, da banda americana Mr. BIG (Lembram de Shine de Hellsing? E Colorado bulldog de Kamisama no Memochou? That's it.), Cantou em seu álbum Mr. Vocalist 3, a versão em inglês de CHANGE e ela me fez querer conhecer a original, já que eu gostei do rítmo dela. Foi só escutar a primeira vez, e pronto, viciei nela. Miho canta Let it Out de FullMetal Alchemist Brotherhood e Beyond de Uchuu Kyoudai.



Eu escolhi Cry no More porque ela é a música que eu mais me identifico. A letra dela é magnifíca, e me dá a sensação de que eu não estou sozinha, o que para mim é algo importante. Então se em algum momento você estiver se sentindo só, escute essa música. Deixei um link para download dessa música,

Bem, pessoal, até a próxima )o)

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Falando Sobre: Natsume Yuujinchou



Música da vez: Kawano Marina ~ Takaramono (Encerramento de Natsume Yuujinchou Shi)

É interessante eu falar de Natsume Yuujinchou porque foi por causa de um post que eu escrevi sobre ele na linha do tempo da page do Eien no Sekai no Facebook que fui convidada para ser uma CDC da page Japanholic's, já que uma das CDC's daqui já curtia minha biblioteca a um bom tempo. Vou colocar aqui um trecho dessa postagem, lá em baixo.

Uma outra coisa interessante é que eu fui num evento de Anime aqui do RJ e comecei a perguntar pras pessoas se elas conheciam Natsume Yuujinchou. No Total, 100% das garotas falou que sim (houve até debate sobre o desejo de se ter uma nova temporada do anime, ate pq no mangá as coisas estão esquentando), enquanto que apenas 2% dos garotos falou que conhecia (Nota: 2% = Meu marido, que só conhece pq eu insisto em falar dele, e ele curte o malandro do Nyanko-sensei 8D~ )



Falando um pouco sobre o Anime, Natsume Yuujinchou tem no total de 52 episódios, um OVA que saiu em Fevereiro deste ano, 3 Drama-CD's, um OAD que saiu em Dezembro de 2013, e um Musical que saiu em Setembro de 2013.
Tendo Hiroshi Kamiya, Ayumi Fujiwara, Kazuhiko Inoue, Sanae Kobayashi, Kazuma Horie, Rina Sato, Miyuki Sawashiro, Akira Ishida, entre outros no time de Seiyuu's, o anime criado pelo estúdio Brain's Base foi ao ar pela TV Tokyo em 2008, 2009, 2011 e 2012.



O Manga, criado por Midorikawa Yuki, estava sendo serializado pela revista LaLa DX entre 2005 e 2008, até mudar para a LaLa. Natsume Yuujinchou foi um dos finalistas do primeiro Manga Taishô em 2008. Já existem pelo menos 17 volumes encadernados do manga lançados ("pelo menos" porque o 17º foi lançado em Janeiro/2014 e não se tem nada sobre um 18º nos sites que eu vi). O mangá esta licenciado nos EUA pela Viz Media.

Até aonde ele pode se lembrar, Natsume Takashi foi amaldiçoado pela capacidade de ver espíritos também chamados de Youkais ou singularmente de Yōkai, um poder herdado de sua avó Reiko. Após a sua morte, Reiko deixa como herança para seu neto, um livro contendo os nomes dos espíritos que Reiko tinha conseguido com suas lutas contra os espíritos (Yōkais) . O Livro dos amigos é um item muito valorizado no mundo dos espíritos, e os espíritos assombram Takashi constantemente. Takashi passa seu tempo à acabar com os contratos e liberar os vários espíritos que vêm a ele para ajudar. Mas, isso não significa que não existam espíritos maliciosos que tentam matá-lo. Que é onde Madara (chamado de Nyanko-sensei por Natsume) chega; Madara serve como guarda-costas e conselheiro de Natsume, no entanto, ele é motivado pelo seu próprio desejo de possuir O Livro dos amigos. Mais tarde, eles começam a se tornar mais ligados.



O ser humano tem medo daquilo que desconhece, daquilo que não pode ser visto a olho normal. Por isso é comum não acreditarmos nas palavras de alguém que de repente fala sobre algo que não pode ser visto por todos. Imagino o quanto é doloroso para uma criança que perdeu os pais muito cedo e teve de passar a viver nas casas de parentes distantes, mudando sempre de cidade em cidade, de escola em escola, sofrendo abuso físico e psicológico dos humanos e das entidades que essa criança pode ver e ninguém mais pode. Ser chamado de 'mentiroso' por diversas pessoas, mas sendo que ele falava a verdade. As perseguições, maldições e sustos que as entidades causam a essa criança. Natsume Takashi é realmente um rapaz forte, tendo aguentado desde pequeno essas coisas todas. Mas mesmo assim, ele tem suas fraquezas, como todo ser humano e seus segredos, já que se vê obrigado a não revelar sobre suas habilidades e o misterioso livro que carrega para as outras pessoas, mesmo elas já tido alguma experiencia com entidades. Afinal o coração jamais esquece dos traumas que sofremos.

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Eien no Sekai Scans

Estamos de volta )o)
E já com 3 volumes de Keishichou Tokuhanka 007 revisados e o cap 1 de Hammer Session!.
Fiquem de olho, pois sempre haverão atualizações.

terça-feira, 12 de agosto de 2014

Falando Sobre: Koizora


Música da vez: Fukui Mai ~ Ai no Uta (Tema do Dorama Koizora)

Após um tempinho ausente, retornei com tudo! Estou com planos para retornar a traduzir mangá, tendo Keishichou Tokuhanka 007 (que eu já comecei uns anos atrás) e Hammer Sesson! como meus primeiros projetos.

Bem, sem mais delongas, eu vos apresento Koizora. Inicialmente uma novela com cerca de 25 milhões de leitores, depois um mangá, e então um Filme e um dorama de 6 capítulos. Dizem por ai que a história é verídica e aconteceu com a autora da novela, já que ela tem o mesmo nome da protagonista, Mika.

A Mika da história é uma estudante que um dia conhece um rapaz chamado Hiro, que é a sua alma gêmea. Ela o ama e ele a ama. Ela então passa a experimentar diversos acontecimentos, a maioria deles tristes e agoniantes, como uma gravidez precoce e um aborto em plena véspera de natal. Mas isso não é nem o começo...

O filme foi ao ar em 2007 e o dorama em 2008, tendo ambos Natsuki Imai como diretor (sendo que no dorama, ele teve ajuda de Matsuda Ayato). No filme, o casal Hiro x Mika teve a atuação de Haruma Miura e Yui Aragaki. No dorama, Seto Koji e Mizusawa Elena.

Engraçado que eu conheci Koizora pelo mangá, mas havia me esquecido do 'nome' dele, apesar de desejar reler. Ai, vi o dorama e dei um pulo na cena que a Mika perde o bebê dela. Fiquei tipo... 'Hein? Essa história não é a mesma daquele mangá...'

É uma história de derramar muitas lágrimas, de fazer muitos se revoltarem, mas acima de tudo, uma história para refletir sobre a vida, o amor, e as brincadeiras do destino.