sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Falando sobre: Eric Martin

Música da vez: Mr. Big ~ Shine

*Aviso: Ele vai estar em tour no Brasil em Fevereiro* )o)

Tia Haru agora vai falar de alguém muito foda (no bom sentido da palavra) do mundo da música. Ele se chama Eric Martin, e ele já foi citado em dois posts meus no passado, da Akira Sudou e da Miho Fukuhara. Eric Martin é o vocalista da banda Mr. Big, e com a banda, possui duas animesongs. Shine (Ed de Hellsing) e Colorado Bulldog (Ed de Kamisama no Memochou)

Uma curiosidade. Ele cantou "Go go Power Rangers" para o filme.



Mas por que falar de um cantor americano, se as animesongs são da banda Mr. Big? É como eu disse, ele foi citado nos posts da Miho e da Akira. Mas se tem um astro japonês que marcou muito a carreira dele, seria Tak Matsumoto, da banda B'z. Tak decidiu montar uma banda de rock chamada Tak Matsumoto Grupo, ou TMG, com seus artistas favoritos, o que inclui Eric nos vocais, Jack Blades (Night Ranger / Damn Yankees) no baixo e Chris Frasier (Steve Vai / Edgar Winter / Eddie Money) na bateria, e, claro, Tak na guitarra. Eles passaram quatro meses escrevendo e gravando um álbum em Los Angeles, fizeram uma turnê promocional de 10 dias no Japão, rapidamente seguido por um álbum de platina e uma turnê de julho a setembro, terminando no famoso “15.000 lugares” do Japão , Budokan 6 a turnê japonesa para TMG teve a inclusão da canção "To Be With You" do Mr. Big no set list.

A banda Mr. Big começou em 1988 como um quarteto integrando Paul Gilbert (guitarra), Billy Sheehan (baixo), Eric Martin (vocal) e Pat Torpey (bateria). Todos os membros eram considerados, principalmente por colegas músicos e críticos, extremamente habilidosos e com um talento acima da média em seus respectivos instrumentos. Também experientes, Martin cantava desde os 10 anos e, mais tarde, fora líder da Eric Martin Band; Gilbert tocava desde os 9 e havia sido guitarrista da banda Racer X; Sheehan liderara o Talas, tocara na UFO e na banda solo do vocalista David Lee Roth; já Pat tocara com Robert Plant, John Parr e Belinda Carlisle. m 99, o guitarrista e amigo deles Richie Kotzen, se junta ao grupo, mas em 2002, devido a conflitos entre os integrantes, a banda se desfazeria com um show em Tóquio, já que o Japão foi o país onde a banda fez mais sucesso.

Em 2008, a Sony Japan chegou pra ele com um projeto em que ele faria covers em inglês de baladas japonesas cantadas por mulheres. Foi então que em 2008, saiu o Mr. Vocalist, contendo versões dele de 'I Believe' de Ayaka Hirahara e 'Yuki no Hana' de Mika Nakashima. Resultado: Topo da Oricon em diversas cidades nipônicas. Por causa disso, a Sony decidiu continuar com o projeto, só que dessa vez, fizeram algo que eu achei legal. Eles colocaram uma enquete com diversas músicas famosas de cantoras internacionais. 'Hero' de Mariah Carey e'My Heart Will Go On' de Celine Dion estão no álbum, chamado Mr. Vocalist 2. Resultado: Topo de novo. E com isso, vieram Mr. Vocalist 'X'mas (com covers de canções japonesas e internacionais de canções natalinas), Mr. Vocalist 3 (Com covers de Tayou no Uta, do Dorama de mesmo nome) e Mr. Rock Vocalist. Eric também participou dos tributos a Lar'c~en~Ciel e Siam Shade.

Falando sobre: Detective Conan

Músicas da vez: Koi wa Trill, Shock, Suspense ~ Rina Aiuchi, Everlasting Luv ~ Breaker's, Ichibyou ni goto ni Love for You ~ Kuraki Mai e Happy Birthday ~ Kyoko

Escolher essas 4 de toda a OST de Conan foi tenso, pois toda a OST é Perfect. Inclusive Happy Birthday, que foi composta e escrita pelo Suga Shikao (já falado aqui por mim).

Curiosidade: Gosho Aoyama (Criador) e Minami Takayama (Seiyuu de Conan/cantora do Two-mix) já foram casadaos.
Curisidade²: Pesonagens como Yaiba e Kaitou Kid(Post em breve), personagens de outras criações do autor, aparecem com frequência.




Detective Conan, conhecido como Case Closed nos Estados Unidos, é um mangá e anime japonês escrito e ilustrado por Gosho Aoyama e publicado na Weekly Shounen Sunday desde 1994, onde faz sucesso até hoje, totalizando mais de 79 volumes.

Desde 1997, tem sido lançado um filme de Detective Conan a cada Golden Week. Com exceção do primeiro filme, todos os outros foram colocados nas telas de cinema do Japão.Já existem até o momento 19 filmes de Detective Conan, incluindo o Cross-over com Lupin III, que foi a continuação de um especial de TV. Também possui 2 filmes Live-Action estrelando Shun Oguri como Kudo Shinichi, um dorama e diversos OVA's.

Apesar desse sucesso no Japão, no Brasil o título não é muito conhecido, já que o Brasil foi um dos poucos países no mundo onde a série não passou na televisão, tendo somente um DVD do primeiro filme lançado em 2008 pela empresa Flashstar, com vendas supostamente baixas, ao passo que nos Estados Unidos, Inglaterra e Canadá a série faz um tremendo sucesso, apesar de ter seu nome alterado para Case Closed (pelo motivo de existir Conan, The Barbarian). A Viz Media publica o mangá Case Closed nos Estados Unidos e no Canadá; a Victor Gollancz Ltd publica o mangá no Reino Unido utilizando a tradução da Viz Media. Tais versões alteram não somente o título da série, mas também nomes dos personagens, como por exemplo Jimmy ao invés de Shinichi, Rachel ao invés de Ran e Richard ao invés de Kogoro. Sim, é ridículo, na minha opinião.

Shinichi Kudo, é um estudante colegial que investigava por mero acaso, um ato suspeito após sair do parque de diversões. Tratava-se de 2 membros da Black Organization (Organização secreta de criminosos) realizando uma transação. Por azar, ele é descoberto e abatido, sendo feito de cobaia ao experimentar uma droga (de nome APTX 4869) que supostamente era para mata-lo sem deixar rastros. Por alguma causa desconhecida, em vez de morrer, seu corpo volta a ser como de 10 anos atrás, quando era uma criança de apenas sete anos.

Agora, o prodígio detetive tem que esconder sua verdadeira identidade e assumir ser apenas uma criança, apesar de sua mente não ter sido afetada, para que as pessoas a sua volta não corram perigo, pois se a organização a qual fez isso com ele descobrir que ele não morreu, certamente irá atrás dele e de todos que estão a sua volta.

Assim sendo, Shinichi Kudo adota o pseudônimo de Conan Edogawa e vai morar na casa de sua amiga de infância Ran Mouri, por quem é apaixonado, graças ao Dr. Agasa, o único que sabe sua real identidade, pois segundo ele seria ótimo morar com a Ran porque seu pai Kogoro Mouri é um detetive e Conan teria recursos para investigar a Black Organization.

É claro que Shinichi, agora vivendo como Conan, deve se precaver contra quaisquer suspeitas sobre ele, então ele volta a frequentar o ensino fundamental. Lá ele encontra bons amigos e juntos formam uma liga de jovens detetives, auto-denominada Detective Boys.

Apesar de estar morando em uma agência de investigação, a vida de Conan não é nada boa, isso porque Kogoro Mouri, pai de Ran, não tem aptidão nenhuma para exercer a profissão de detetive, portanto Conan sempre resolve os casos para ele. Para isso, Conan conta com várias invenções muito úteis do Dr. Agasa, como seu alterador de voz, relógio que dispara uma agulha tranquilizante, skate movido a energia solar e outros.

Por conta de estar sempre em contato com sua amada, a história entre Conan e Ran evolui bastante durante a série, mesmo ela não sabendo a real identidade de Conan.

Falando Sobre: Akagami no Shirayukihime

Música da vez: Ayaka Hirahara ~ I Believe

Agora Tia Haru traz para vocês um outro mangá shoujo. Seu nome é Akagami no Shirayukihime, que traduzindo ficaria algo como a Princesa Branca de Neve de Cabelos Vermelhos.




Serializado em 2007 pela revista Lala (mesma de Natsume Yuujinchou), o mangá escrito pela autora Akizuki Sorata já contem 12 volumes e ainda se encontra em publicação.

Shirayuki nasceu com uma cor de cabelo único. Seu cabelo é vermelho-maçã. Ela conhece o famoso, mas tolo, príncipe Raji que se interessa pela cor de seu cabelo e ordena que ela se torne a sua amante. Sem nenhum outro lugar para ir, Shirayuki corta seu cabelo e o deixa 'de lembrança' para o príncipe e foge para um país vizinho. Ao atravessar a floresta, ela conhece um jovem, Zen, que a ajuda depois que ela corajosamente cura suas feridas. Além de Zen, Shirayuki conhece mas então ele é envenenado por uma maçã . Enquanto isso, Príncipe Raji envia capangas para procurá-la. Mas Zen não é ninguém normal. Ele é o segundo príncipe do reino vizinho, e que o 'casal' Mitsuhide e Kiki são na verdade os guarda-costas dele.

O mangá está sendo traduzido pelo pessoal da Toshi wa Yume, que já tem até o capítulo 26 (1ª do volume 07).

Falando sobre: Sakamoto Desu Ka?

Música da vez: Suga Shikao ~ Thank you (Se for a versão do The Best of Live Recordings, melhor ainda *o*)

Vamos falar de mais um mangá?

Ele se chama Sakamoto Desu ga?, do autor Sano Nami, publicado pela Enterbrain (Publicadora também de Eien nno Densetsu ~ Sora no Kiseki, Togainu no Chi e adaptações de jogos como Final Fantasy e Atelier) e está atualmente com 3 volumes encardenados. É licenciado em Inglês pela editora Seven Seas.

Sakamoto ganhou o prêmio de melhor mangá em 2013, batendo Shingeki no Kyojin, que ficou em segundo lugar.



O estudante do primeiro ano do ensino médio, Sakamoto, não é apenas descolado, ele é o mais descolado! Não, ainda não é o suficiente para definí-lo. Ele é F-O-D-A! Quase imediatamente após o início das aulas, ele começou a atrair a atenção de todos. As garotas o amam, e a maioria dos meninos ressentem-se dele. Não importa o que os outros garotos tentem fazer com ele, Sakamoto sempre consegue despistá-los com facilidade e graça. Embora Sakamoto possa parecer frio e distante, ele ajuda os outros quando solicitado. Não importa com quais dificuldades Sakamoto se depare, ele move-se através de sua vida de colegial com confiança e classe! E ponha classe nisso.

Ah, existem boatos de que ele é capaz de ignorar qualquer lei de física possível. Um exemplo: Sentar no ar? Ele senta sim. E fica de boa xD~


Falando sobre: Kurosagi

Música da vez: Yamashita Tomohisa ~ Daite senorita (dorama) e NEWS ~ Taiyou no Namida (filme)

Agora, Tia Haru decidiu trazer mais um dorama, que também virou um filme e foi adaptado de um mangá. Seu nome é Kurosagi e mais uma vez, é sobre golpístas. Ou melhor, sobre um golpista que 'devora' outros gopistas.


"Nesse mundo existe três tipos de golpistas: aqueles que roubam o dinheiro de outras pessoas, Shirosagi; aqueles que enganam os outros manipulando seus sentimentos, Akasagi; e então, usando o Shirosagi e o Akasagi como sua própria fonte de alimento, está o maior golpista da história. O nome dele é Kurosagi." Com essa explicação, feita em animação mesmo, começam todos os episódios desse dorama. Kurosaki [Yamashita Tomohisa] teve sua família destruída por causa de golpistas, que fizeram com que seu pai [Sugimoto Tetta] matasse todos e depois se suicidasse. Apenas Kurosaki sobreviveu e nele nasceu um desejo de vingança. Porém acabou pedindo auxílio ao mesmo golpista que acabou com sua família, Katsuragi Toshio [Yamazaki Tsutomu] e depois de muitos anos se tornou Kurosagi, que, como explicado acima, rouba golpistas e devolve o dinheiro as famílias prejudicadas. Logo no primeiro episódio, ele ajuda a família de Yoshikawa Tsurara [Hirokita Maki], uma futura advogada que não concorda com os métodos de Kurosaki e tenta persuadi-lo a parar com esses crimes. Ela acaba se mudando para o mesmo prédio de Kusosaki e pouco tempo depois acaba se apaixonando por ele. Mas sua melhor amiga, Mishima Yukari [Ychikawa Yui] também se apaixona pelo golpista, que, aparentemente, quer distância de relacionamentos. Só pra complicar ainda mais, tem um policial [Aikawa Sho] que sabe dos golpes de Kurosagi e quer prendê-lo a todo custo, pois, apesar de ajudar as pessoas, ele também está cometendo um crime. Será que Tsurara fará com que Kurosaki pare com os golpes antes de ser preso?

Em todos os episódio tem um novo "caso" para ele resolver e em todos eles ele se disfarça. Pra mim essa é a melhor parte, pois ele muda totalmente de personalidade em cada golpe que faz, tudo para enganar direitinho os vilões. Ele vai do playboyzinho ao nerd sem perder o charme.




No Japão, o mangá já se encontra completo com 20 volumes, uma sequência de 18 também completa e mais uma sequência, que está em publicação, tendo já 4 volumes completos. Escrito por Natsuhara Takeshi e desenhado por Kuromaru, ganhou o Shogakukan Manga Award na categoria Seinen de 2008. Eu estou acompanhando a primeira parte, que se encontra em Inglês em diversos leitores online.

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Checklist de Mangás: Outubro/2014

Música da vez: LiSA ~ Rising Hope (1ª avertura de Mahouka Koukou no Reittosei)

Vou tentar postar mais cedo na próxima vez, mas como eu tive que organizar um evento de anime esse domingo, só agora que eu estou mais tranquila para outros projetos da minha vida. Provavelmente essa semana teremos mais um update do blog, com muito mais mangás para a minha biblioteca virtual. Vou também preparar fotos da minha biblioteca física, apesar de estar faltando uma coleção comigo no momento.

Sobre o template, sim vou explicar agora o que aconteceu. Eu tenho um Netbook com uma tela mixuruca que eu chuto ter 10'. Ou seja, Duas palmas de mãos cobrem a tela toda e ainda sobra. Eu fiz o template pensando que o blogger não mexia com a largura do blog, não importa a tela, mas me enganei. Ao visitar o blog usando o pc de um amigo (cuja tela é dos deuses), eu percebi que tava tudo distorcido. Mas ainda pretendo ver se consigo voltar a usar meu próprio template. Então fiquem no aguardo para mais detalhes.



Voltando ao assunto, eis as checklists das editoras brasileiras para o mês de Outubro.

~ JBC

07/10 [Fase 2]
* Blue Exorcist (Ao no Exorcist) #11
* Btooom! #05
* Lúcifer e o Martelo #02
* Nura - A Ascensão do clã das Sombras #20
* Prophecy  #02
* Soul Eater #24
* Super Onze #17

14/10 [Fase 1]
* Blue Exorcist (Ao no Exorcist) #13
* CDZ - Next Dimension #09

15/19 [Fase 1]
* Lúcifer e o Martelo #05

18/10 [Fase 1]
* Tom Sawyer
* Yu Yu Hakusho #01

23/10 [Fase 2]
* CDZ - Next Dimension #08
* Rurouni Kenshin #21
* Super Onze #18

Sem data determinada
* Love Hina Esp #11
* Super Onze #22 e #23
* After School of the Earth #01
* Nura - A Ascensão do clã das Sombras #25
* Fairy Tail #45
* Magi - O Labirinto da Magia #04
* Doubt #02
* Rurouni Kenshin #23
* Sailor Moon #07
* Btooom! #09


~ Panini (datas não divulgadas)

* 20th Century Boys #13
* Air gear #25
* Berserk #02
* Black Butler #14
* Bleach #61
* Blood Lad #11
* Defense Devil #03
* Dragon Ball #30
* Kuroko no Basket #04
* O Maestro #03
* Monster #15
* Naruto #53(Pocket) e #68
* O Livro Secreto dos Guerreiros [Guia sobre Naruto]
* One Piece #33 e #52
* Pokemon Black e White #02
* Sword Art Online - [Aincrad] #01
* Tutor Hitman Reborn #14
* Toriko #10
* Vinland Saga #05
* Hideout

~ New Pop [Constantemente atualizado]

14/10
* Loveless #02

23/10
* Azumanga Daioh #02

27/10
* Usagi Drop #02

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Falando sobre: Brasil Comic-Con e Comic-Con Experience

O Brasil Comic Con nasceu em 2013, realizado junto com a edição de 10 anos do Anime Friends, o maior evento de cultura pop da América Latina, e recebeu mais de 100.000 pessoas no Campo de Marte, durante seus 8 dias de realização no mês de julho.



Inspirado pelos grandes Comic Cons americanos, o Brasil Comic Con vem para firmar terreno no mercado nerd/geek, assim como o Anime Friends conquistou seu lugar entre os fãs de cultura japonesa no Brasil.

Um evento como esse merece um espaço de primeiro mundo. O Brasil Comic Con 2014 será um dos primeiros eventos realizados no Centro de Eventos Pro Magno, o novo pavilhão de exposições da cidade de São Paulo, em fase final de construção. Ultramoderno, promete ser o pavilhão mais bem equipado da cidade: totalmente climatizado, 1.000 vagas de garagem, praça de alimentação para 900 pessoas, iluminação de LED, escadas rolantes, 48 mil metros quadrados de área total, localizado na Casa Verde, Zona Norte da capital paulista.

Entre os convidados do Brasil Comic-Con, temos Mike Deodato Jr.(Ilustrador), Will Conrad (Ilustrador), Michael Golden (Ilustrador), James O’Barr (Ilustrador), Rodney Ramos (Ilustrador), Renee Witterstaetter (ilustradora/Autora e Editora), Luke Ross (Ilustrador), Flávio Luiz (Ilustrador), Frank Martin Jr.(Colorista), Raphael Fernandes (Quadrinista), Fabio Laguna (Ilustrador), Renato Arlem (Ilustrador), Klebs Junior (Ilustrador),  Joe Bennett (Ilustrador). Temos também Cassandra Peterson (Elvira, a Rainha das Trevas), Paul Zaloom (Beakman, do O Mundo de Beakman) e Takumi Tsutsui (Jiraiya – O Incrível Ninja).





Em dezembro, o Brasil vai receber a Comic-Con Experience, primeiro evento nos moldes da feira realizada todos os anos em San Diego, na Califórnia, e em versões menores em outros estados americanos. A versão brasileira acontecerá entre 4 e 7 de dezembro em São Paulo e será focada em histórias em quadrinho, anime, games, cinema e RPG.

Materiais inéditos também serão exibidos, e haverá exposições e concurso de cosplay – pessoas que se vestem e atuam como seus personagens favoritos –, entre outras atrações e atividades a serem anunciadas. A expectativa é receber cerca de 60 mil visitantes.

Dentre os convidados Nacionais e Internacionais, temos Don Rosa (Um dos principais responsáveis pela história do Pato Donald, que estará presente em comemoração aos 80 anos de criação do personagem. Além dele, temos Scott Snyder (Escritor e roteirista), Sean Gordon Murphy (Desenhista), Ivan Reis (Desenhista), Olivier Coipel (Desenhista), Rafael Grampá (Desenhista), Rafael Albuquerque (Desenhista), José Luis García-López (Desenhista), Ariel Olivetti (Roteirista) , Martin Canale (Escultor), Sean Astin (Ator), Edgar Vivar (Ator) e muitas outras figuras do mundo dos quadrinhos, TV e Cinema.



Você sabia que a CCXP - Comic Con Experience dá ao publico a possibilidade de adquirir a meia-entrada social? Além do beneficio oferecido a estudantes, idosos, professores e portadores de necessidades especiais, qualquer pessoa pode pagar metade do valor de seu ingresso, basta doar um livro.

E para viabilizar as doações, a Comic Con Experience conta com a parceria do projeto Leitura Alimenta (www.leituraalimenta.com.br), uma iniciativa colaborativa entre a Cesta Nobre (uma das maiores empresas de cestas básicas do país), a agência de publicidade Leo Burnett Tailor Made e a Livraria da Vila. A ação, que teve início em 2013 e já arrecadou mais de 50 mil exemplares, convida a população a doar livros para serem incluídos em cestas básicas distribuídas a famílias em todo o país.

Dessa forma, o Leitura Alimenta fará toda a coleta e distribuição dos livros doados com os ingressos da CCXP 2014 e cuidará da inclusão dos mesmos nas cestas básicas das famílias.

O projeto irá trabalhar para que o material recebido seja a porta de entrada de pessoas para o mundo da leitura, estimulando a imaginação e a formação de opinião crítica.

“Nossa expectativa é de aproximadamente 40 mil livros recolhidos na primeira edição do evento. A parceria com o Projeto Leitura Alimenta ajuda a CCXP a ser referência na distribuição de cultura no Brasil”, afirma Ivan Costa, sócio da Comic Con Experience.

As pessoas que optaram pela meia-entrada social deverão entregar um livro, em bom estado de conservação, na recepção da Comic Con Experience. Visitantes que adquirirem a meia-entrada social e não levarem o livro para ser doado, terão que pagar o valor complementar para adquirir a entrada inteira.

O Projeto Leitura Alimenta tem a preocupação de que o conteúdo selecionado seja relevante para as famílias que receberão o material. Por isso, ao escolher seu livro para doação, deixe de fora assuntos como: didático ou técnico, religioso ou político, eróticos ou pornográficos, fotográficos, de língua estrangeira ou com conteúdo ofensivo.



A participação da Disney na CCXP está confirmada. A empresa terá uma área de 540 m2, onde irá reunir as principais franquias das marcas Disney, Disney•Pixar, Marvel e Lucasfilm.

Os fãs podem esperar diversas atrações e conteúdos dos próximos lançamentos nos cinemas, games e televisão. Além disso, o público poderá adquirir produtos em uma loja exclusiva que será montada especialmente para a CCXP.



A Warner Bros. Pictures, estúdio responsável pelos filmes de Harry Potter, Batman, Superman, O Senhor do Anéis e O Hobbit, confirmou participação na Comic Con Experience e anunciou que apresentará uma programação especial no evento, em um stand próprio.


O estúdio responsável por Avatar, X-Men, Alien, Planeta dos Macacos, Edward Mãos de Tesoura, Clube da Luta e dezenas de outros clássicos que têm lugar especial na memória e no coração de nerds do mundo todo anunciou que terá um stand próprio na Comic Con Experience.


----------------------
Bom pessoal, é isso! Espero que tenham gostado de tudo o que eu trouxe para vocês sobre esses dois MEGA-eventos. Até a próxima o/

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Falando sobre: Love so Life

Música da vez: Suga Shikao ~ Konbini


O motivo que eu escolhi Kombini para ser a música da vez é porque há uns dois anos e meio atrás, eu coloquei ela para tocar enquanto botava minha sobrinha para dormir. Ela não conseguia, mas assim que ela começou a escutar, capotou. Então como o tema de hoje é um mangá shoujo suuuuuuuuuuuuuuuuper fofo envolvendo crianças, decidi colocar ela. Lembrando que as músicas que eu coloco aqui estão disponíveis para download. Basta pedirem nos comentários.

Agora, vamos falar de Love so Life, um shoujo de Kouichi Kaede. Atualmente é um manga publicado na revista Hana to Yume, especializada em mangás shoujo.



Shiharu, 16 anos, uma colegial órfã desde os 5 anos de idade, que vive em um orfanato, onde cresceu cuidando das crianças menores, por isso sonha ter sua própria creche. Mas, enquanto isso, ela trabalha meio período em uma creche, onde conhece Aoi e Akane, um casal de gêmeos com dois anos de idade, órfãos de mãe e pai desaparecido. Eles vivem com o jovem tio Matsunaga Sei, um reporter famoso por sua beleza, que ao perceber que Shiharu tem energia suficiente para lidar com as crianças, contrata-a como babá. Em pouco tempo, ela conquista a todos, inclusive Matsunaga.

No Japão, o mangá se encontra no 14º Volume, em um período crítico principalmente para a Shiharu, visto que seu aniversário de 18 anos se aproxima cada vez mais e isso significa que ela não pode permanecer no orfanato. Com muita comédia, drama e reviravoltas repletas de ataques de fofuras, eis um mangá que vale muito a pena acompanhar.



Uma das coisas que me mata mesmo são as roupinhas de bichinhos que os gêmeos vestem. Waaah, não dá. Eu sempre to lendo e relendo, pq é um dos meus mangás preferidos. Estou acompanhando as raws até o capítulo 93, então já sei de muita coisa que está acontecendo entre eles. Quem quiser spoilers, eu posto nos coments.

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Falando Sobre: Akira Sudou

Música da vez ~ Akira Sudou ~ Idea (Bubblegum Crisis Tokyo 2040 Insert Song)

E eu volto novamente para falar sobre Akira Sudou. Quem? Vocês devem se perguntar. Hmm... o nome As Sekiria acende alguma luz no seu cérebro? Não? Então... Priss Asagiri. Espera! Priss Asagiri de Bubblegum Crisis Tokyo 2040? Yeah! Ela mesma.



As Sekiria é a banda formada justamente para o anime, (é o nome da banda da Priss) e Akira Sudou é a vocalista. As músicas de abertura e de encerramento do anime também são dela.

Vocês não vão encontrar muita coisa sobre ela. O que eu sei é: Além do álbum As Sekiria, ela lançou um chamado 'Myself' e outro chamado 'No Obligation', com canções originais (e muito boas). Inclusive, a última música deste se chama 'The Face of Love', em que ela faz em dueto com... Eric Martin (Falei dele no post da Miho, lembram? Não? Então tá. Ele é o vocalista do Mr. Big e cantor da música Shine de Hellsing e Colorado Bulldog de Kamisama no Memochou. E eu fui num show dele *o*)

Inclusive, o álbum Myself foi escrito e produzido pelo Eric, considerado por muitos críticos um álbum de qualidade e bem produzido, com músicas cativantes e um vocal incrível. É considerado um dos discos mais raros de se encontrar hoje em dia.

Falando sobre: [Switch]

Música da vez ~ The Seatbelts ~ Ask DNA (Música da OST de Cowboy Bebop - Knocking on Heaven's Door)
Olá pessoal, vim trazer mais um mangá para vocês. Este se chama Switch.


Criada por Naked Ape, formado pela artista Nakamura Tomomi e pela autora Saki Oto, e publicada inicialmente na revista GFantasy da Square-Enix.
Com uma história que te faz levar ao mundo das drogas no Japão, temos o Departamento de Controle de Narcóticos, uma unidade especial da polícia especializada em combater o tráfico, onde temos o novato Eto Kai, que acaba de ingressar ao grupo. Kai parece ser um garoto qualquer, que está sempre usando uma luva na sua mão esquerda por algum motivo. Kai não tem memórias de antes dos seus 6 anos de idade. Ele também muda de personalidade quando encontra uma situação muito complicada, virando um exímio lutador de artes marciais, adquirindo um carater violento, diferentemente do seu pacífico 'eu' norma. Ele se torna parceiro de Kurabayashi Hal, um competente detetive que inicialmente considera-o como um inútil. Juntos, ele e sua equipe vão investigar casos e mais casos envolvendo um grupo mafioso muito poderoso, uma misteriosa droga chamada Switch, e sua ligação com o passado de...
Bem, eu vou parar aqui com a review. Se não posso acabar revelando segredos demais sobre o mangá e acabar por estragar tudo. Naked Ape está lançando atualmente no Japão a sequência, chamada Switch - Dragon Fruit Hen, que se passa depois do conturbado fim da série original.
Switch possui dois OVA's originais, mostrando um pouco do universo de Switch. Neles temos Takahiro Sakurai como Kurabayashi Hal, Jun Fukuyama como Eto Kai e Junichi Sawabe como o chefe da divisão, Hiki Masakata, entre outros.
Esse é um tipo de mangá que gosta de mexer com o psicológico, não só dos seus personagens, como de seus leitores. Por isso, apesar de ser um mangá categorizado como shounen, eu o recomendo apenas para maiores de 16 anos.

Falando sobre: Iris Zero

Música da vez ~ GRANRODEO - The Other Self (Terceira abertura de Kuroko no Basket)
Waaaah, estou tão ocupada esses dias. @_@
Mas feliz por ter finalmente conseguido minha camiseta do Nyanko-Sensei! Ter contatos é tão bom *o*
E fechar mais um volume de um dos meus shoujos preferidos, hm? Não tem preço meeeeeeesmo.
Mas nada me impede de arrumar um tempinho pra cá.
E eis que eu vim falar de... Ìris Zero.



Um mangá seinen, escrito por Piro Shiki e desenhado por Hotaru Takana. Ele é traduzindo pelo Baka Neko e vocês podem ler online no Mangá Host.
Em um mundo onde todo menino e menina têm o poder especial chamado Iris. Toru que por nenhum motivo não possui nenhum tipo de poder especial, por isso desde pequeno ele é maltratado por todos que possuem este poder, por isso, depois de muito sofrer Toru resolveu viver pelo seu lema, chamado de "baixa exposição" - Para viver sem se destacar. Mas sua vida escolar pacífica muda quando ele recebe uma "confissão" da garota mais popular da escola, Koyuki. O seu lema começa a mudar!! A história de Fantasia escolar que irá mexer com os corações, irá começar com este inusitado encontro entre ambos.
A proposta me chamou bastante atenção; quer dizer, normalmente é aquele único garoto diferente que ganha poderes especiais e sofre bullying, muitas vezes inclusive por causa desses poderes, que o afastam ainda mais da possibilidade de ter uma vida normal. Ou talvez ainda, aquela pessoa em um universo mágico que parece não ter poder algum, ou algum tipo de magia risível, mas na verdade tem um dos poderes mais fortes e importantes de toda a história daquele universo (como a Louise em Zero no Tsukaima, ou a Mikan em Gakuen Alice)!
Nesse caso, não. Toru Mizushima realmente não tem nenhum poder milagroso. Ele é um garoto normal, um tanto introspectivo, e muito, muito, muito sensível. E não estou dizendo que ele adora comédia romântica e chora por tudo, estou dizendo que ele é o Shakespeare dos sentimentos! Por ser muito atento e perceptivo, consegue compreender com certa facilidade os sentimentos das pessoas a sua volta e perceber quais são seus problemas pelos mínimos sinais que dão. Apesar de se preocupar bastante com os outros, faz de tudo para não demonstrar.
Eu poderia falar e falar sobre esse mangá, mas aí eu contaria a série até aonde foi lançada. Em 2012/2013, o mangá entrou em Hiatus por causa da súbida doença de Hotaru Takana, mas em Outubro, a serialização foi recomeçada. Agora é só esperar pelos Scanlators trazerem.

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Falando sobre: Horimiya

~ Haruyuki ~

Música da vez ~ May's - Kimi ni Todoke (Tema de encerramento da segunda temporada de Kimi ni Todoke)

Hai, Hai. Haruyuki aqui para falar de um mangá muito interessante que estou acompanhando. O nome dele é Horimiya.



Inicialmente conhecido como Hori-san to Miyamura-kun, a história um 4-koma escrito e desenhado por HERO. Devido a popularidade, dois OVAs foram criados e um mangá desenhado por Hagiwara Daisuke está sendo serializado na GFantasy da Square Enix.
O 4-Koma tem no total de 10 volumes, sendo que já chegou ao final, diferentemente do mangá desenhado por Hagiwara-Sensei, que se encontra com 5 volumes publicados.

Hori parece uma estudante adolescente normal, mas ela é completamente diferente fora da escola. Na ausência de seus pais viciados em trabalho, Hori age como uma mãe para seu irmãozinho desde jovem. Entre tomar conta de seu irmãozinho e fazer a comida, ela também toma conta da casa e faz muito mais que uma adoslescente normal faria. Um dia ela encontra alguém que não mostra sua verdadeira personalidade na escola, um quieto rapaz que usa óculos chamado Miyamura. Ela tinha a imagem de que ele era um nerd e possívelmente otaku, mas Hori não sabia que podia estar tão errada. Fora da escola Miyamura é uma pessoa amigável que usa vários piercings, e ele não tem boas notas. Agora ambos tem um ao outro para conversarem sobre suas vidas particularmentes diferentes.

Uma história super-divertida, que dá pra tirar altas risadas. Totalmente recomendável!

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Falando sobre: Hamatora

Música da vez ~ Flat ~ Livetune feat Yuuki Ozaki (Abertura da 1ª Temporada de Hamatora)



O ano é 2013 (Yokohama) e “Hamatora” é uma agência de detetives formada por Nice e Murasaki, mas o seu “escritório” é a mesa do Café Nowhere, onde eles e os seus amigos esperam por clientes. Um velho conhecido deles, o policial Art contrata-os para um caso de assassinatos em série que ele está investigando, acabando por descobrir que todas as vítimas são “Minimum” (“Minimo” ou “pequeno milagre” – poderes hereditários especiais descobertos apenas num número extremamente limitado de seres humanos. Aqueles que possuem tais poderes são conhecidos como “Minimum"). Como Nice e Murasaki são usuários do “Minimum” quer queiram ou não, eles são arrastados para este caso.

A série possui Mangá, Animes (2ª temporada sendo lançada agora), Jogo pra 3DS, peça de teatro e novela. O mangá, escrito por Kitajima Yukino e Kodama Yuki e ilustrado por Wazu Yuu, é considerado como antecedente ao anime, pois Nice e Hajime são membros do Hamatora e Murasaki tem como missão trazer o rapaz de volta a Academia Facultas. Este possui dois volumes completos lançados.

Para amantes de detetive como eu, essa série é uma boa dica.

E pessoal, pra quem se interessar pelas músicas que eu coloco no meu post, elas estão todas aqui ~ https://www.mediafire.com/#x2o5d9ankil37 devidamente tageadas com nome da música, nome do cantor, nome do anime/dorama e distinção ([A] para Anime e [D] para dorama).

sábado, 23 de agosto de 2014

Falando sobre: Miho Fukuhara

~ Haruyuki ~

Música da vez: Miho Fukuhara ~ Cry no More



Miho Fukuhara é uma cantora japonesa nascida na cidade de Sapporo em Hokkaidou em 1987. Os pais de Miho Fukuhara gostavam muito de música então desde pequena ela sempre foi rodeada de uma vasta quantidade de estilos musicais (especialmente música americana). Em dezembro de 2002, ela teve a chance de aparecer em um programa de competição de karaokê na TV e cantou “All I Want For Christmas Is You” da Mariah Carey e foi reconhecida pelos juízes do show por seu talento.

Em maio de 2006, após acabar os estudos, ela debutou como uma artista indie na gravadora indie de Hokkaido Yumechika Records com o cover single “The Roots”, onde a principal canção era um cover de “Sir Duke” de Stevie Wonder. O single debutou em #3 na loja da HMV de Sapporo. Quando fazia lives em lojas, shoppings, etc., ela vendia umas 100 cópias por live. Em outubro do mesmo ano, lançou um mini-álbum chamado “StepOut EP”, com algumas canções originais e alguns covers. Juntamente, ambos os releases venderam 6 mil cópias.




Em 2007, Fukuhara entrou para a Sony Music Records Japan e devido ao seu debut, lançou um cover de “Becaused You Loved Me” da Celine Dion no álbum de compliação “Tribute To Celine Dion”. Seu single debut, “CHANGE”, fora lançado em abril de 2008, seguido de “Himawari” em julho, “Yasashii Aka” em novembro, “LOVE winter song” em dezembro e seu recentemente anunciado álbum “RAINBOW” para janeiro.


Ela cantou a música "Save Me" com a Leona Lewis. O single foi lançado em Maio de 2012.

Eric Martin, da banda americana Mr. BIG (Lembram de Shine de Hellsing? E Colorado bulldog de Kamisama no Memochou? That's it.), Cantou em seu álbum Mr. Vocalist 3, a versão em inglês de CHANGE e ela me fez querer conhecer a original, já que eu gostei do rítmo dela. Foi só escutar a primeira vez, e pronto, viciei nela. Miho canta Let it Out de FullMetal Alchemist Brotherhood e Beyond de Uchuu Kyoudai.



Eu escolhi Cry no More porque ela é a música que eu mais me identifico. A letra dela é magnifíca, e me dá a sensação de que eu não estou sozinha, o que para mim é algo importante. Então se em algum momento você estiver se sentindo só, escute essa música. Deixei um link para download dessa música,

Bem, pessoal, até a próxima )o)

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Falando Sobre: Natsume Yuujinchou



Música da vez: Kawano Marina ~ Takaramono (Encerramento de Natsume Yuujinchou Shi)

É interessante eu falar de Natsume Yuujinchou porque foi por causa de um post que eu escrevi sobre ele na linha do tempo da page do Eien no Sekai no Facebook que fui convidada para ser uma CDC da page Japanholic's, já que uma das CDC's daqui já curtia minha biblioteca a um bom tempo. Vou colocar aqui um trecho dessa postagem, lá em baixo.

Uma outra coisa interessante é que eu fui num evento de Anime aqui do RJ e comecei a perguntar pras pessoas se elas conheciam Natsume Yuujinchou. No Total, 100% das garotas falou que sim (houve até debate sobre o desejo de se ter uma nova temporada do anime, ate pq no mangá as coisas estão esquentando), enquanto que apenas 2% dos garotos falou que conhecia (Nota: 2% = Meu marido, que só conhece pq eu insisto em falar dele, e ele curte o malandro do Nyanko-sensei 8D~ )



Falando um pouco sobre o Anime, Natsume Yuujinchou tem no total de 52 episódios, um OVA que saiu em Fevereiro deste ano, 3 Drama-CD's, um OAD que saiu em Dezembro de 2013, e um Musical que saiu em Setembro de 2013.
Tendo Hiroshi Kamiya, Ayumi Fujiwara, Kazuhiko Inoue, Sanae Kobayashi, Kazuma Horie, Rina Sato, Miyuki Sawashiro, Akira Ishida, entre outros no time de Seiyuu's, o anime criado pelo estúdio Brain's Base foi ao ar pela TV Tokyo em 2008, 2009, 2011 e 2012.



O Manga, criado por Midorikawa Yuki, estava sendo serializado pela revista LaLa DX entre 2005 e 2008, até mudar para a LaLa. Natsume Yuujinchou foi um dos finalistas do primeiro Manga Taishô em 2008. Já existem pelo menos 17 volumes encadernados do manga lançados ("pelo menos" porque o 17º foi lançado em Janeiro/2014 e não se tem nada sobre um 18º nos sites que eu vi). O mangá esta licenciado nos EUA pela Viz Media.

Até aonde ele pode se lembrar, Natsume Takashi foi amaldiçoado pela capacidade de ver espíritos também chamados de Youkais ou singularmente de Yōkai, um poder herdado de sua avó Reiko. Após a sua morte, Reiko deixa como herança para seu neto, um livro contendo os nomes dos espíritos que Reiko tinha conseguido com suas lutas contra os espíritos (Yōkais) . O Livro dos amigos é um item muito valorizado no mundo dos espíritos, e os espíritos assombram Takashi constantemente. Takashi passa seu tempo à acabar com os contratos e liberar os vários espíritos que vêm a ele para ajudar. Mas, isso não significa que não existam espíritos maliciosos que tentam matá-lo. Que é onde Madara (chamado de Nyanko-sensei por Natsume) chega; Madara serve como guarda-costas e conselheiro de Natsume, no entanto, ele é motivado pelo seu próprio desejo de possuir O Livro dos amigos. Mais tarde, eles começam a se tornar mais ligados.



O ser humano tem medo daquilo que desconhece, daquilo que não pode ser visto a olho normal. Por isso é comum não acreditarmos nas palavras de alguém que de repente fala sobre algo que não pode ser visto por todos. Imagino o quanto é doloroso para uma criança que perdeu os pais muito cedo e teve de passar a viver nas casas de parentes distantes, mudando sempre de cidade em cidade, de escola em escola, sofrendo abuso físico e psicológico dos humanos e das entidades que essa criança pode ver e ninguém mais pode. Ser chamado de 'mentiroso' por diversas pessoas, mas sendo que ele falava a verdade. As perseguições, maldições e sustos que as entidades causam a essa criança. Natsume Takashi é realmente um rapaz forte, tendo aguentado desde pequeno essas coisas todas. Mas mesmo assim, ele tem suas fraquezas, como todo ser humano e seus segredos, já que se vê obrigado a não revelar sobre suas habilidades e o misterioso livro que carrega para as outras pessoas, mesmo elas já tido alguma experiencia com entidades. Afinal o coração jamais esquece dos traumas que sofremos.

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Eien no Sekai Scans

Estamos de volta )o)
E já com 3 volumes de Keishichou Tokuhanka 007 revisados e o cap 1 de Hammer Session!.
Fiquem de olho, pois sempre haverão atualizações.

terça-feira, 12 de agosto de 2014

Falando Sobre: Koizora


Música da vez: Fukui Mai ~ Ai no Uta (Tema do Dorama Koizora)

Após um tempinho ausente, retornei com tudo! Estou com planos para retornar a traduzir mangá, tendo Keishichou Tokuhanka 007 (que eu já comecei uns anos atrás) e Hammer Sesson! como meus primeiros projetos.

Bem, sem mais delongas, eu vos apresento Koizora. Inicialmente uma novela com cerca de 25 milhões de leitores, depois um mangá, e então um Filme e um dorama de 6 capítulos. Dizem por ai que a história é verídica e aconteceu com a autora da novela, já que ela tem o mesmo nome da protagonista, Mika.

A Mika da história é uma estudante que um dia conhece um rapaz chamado Hiro, que é a sua alma gêmea. Ela o ama e ele a ama. Ela então passa a experimentar diversos acontecimentos, a maioria deles tristes e agoniantes, como uma gravidez precoce e um aborto em plena véspera de natal. Mas isso não é nem o começo...

O filme foi ao ar em 2007 e o dorama em 2008, tendo ambos Natsuki Imai como diretor (sendo que no dorama, ele teve ajuda de Matsuda Ayato). No filme, o casal Hiro x Mika teve a atuação de Haruma Miura e Yui Aragaki. No dorama, Seto Koji e Mizusawa Elena.

Engraçado que eu conheci Koizora pelo mangá, mas havia me esquecido do 'nome' dele, apesar de desejar reler. Ai, vi o dorama e dei um pulo na cena que a Mika perde o bebê dela. Fiquei tipo... 'Hein? Essa história não é a mesma daquele mangá...'

É uma história de derramar muitas lágrimas, de fazer muitos se revoltarem, mas acima de tudo, uma história para refletir sobre a vida, o amor, e as brincadeiras do destino.

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Falando sobre: Dendrobates


Olá a todos! Eu aqui para falar de mangás. Esse mangá é um seinen, chamado Dendrobates (já presente aqui há um bom tempo), de Ishiwata Youji e Yamane Akihiro. Para quem gosta de pessoas que fazem justiça com suas próprias mãos, esse mangá é uma ótima pedida.

Segawa Juninchiro é um contador que trabalha para a polícia, mas também é um assassino conhecido como o 'Homem das Cem Armas'. A um certo preço, ele realiza assassinatos, vingando assim seus entes queridos que tiveram suas vidas destruídas por essas pessoas. Com balas especiais que com o impacto, tornam a possibilidade de detectar a arma utilizada impossível, o treinamento que ele recebeu como sicário (assassino de aluguel) e a possibilidade de obter qualquer arma que ele quiser (graças ao trabalho dele como policial), ele realiza as mais diversas façanhas, matando desde jovens que participam de uma gangue, outros sicários, mafiosos e até pessoas importantes, mas que tiveram envolvimento com a morte de inocentes.



O nome Dendrobates está relacionado a um sapo venenoso encontrado na Colômbia, já que o sapo é o simbolo dos sicários colombianos. No mangá, Dendrobates é uma lenda famosa por entre os sicários, pelas suas habilidades e pelo seu idealismo de matar por vingança.

Como eu falei, ele é um seinen. Cenas de violência e nudez estão presentes no mangá, então recomendo ler se você tiver pelo menos 16 anos.

sábado, 12 de julho de 2014

Falando Sobre: Miyano Mamoru


Certamente você já ouviu um personagem em que ele faz a voz. Seja ele Yagami Raito (Death Note), Suoh Tamaki (Ouran), Yogi (Karneval), Kia (Wolf's Rain), Setsuna F. Seiei (Mobile Suit Gundam 00), Death the Kid (Soul Eater), Kiryu Zero (Vampire Knight), Fuwa Sho (Skip Beat), Kida Masaomi (Durarara!!), Tsunashi Takuto ( Star Driver), Miura Kento (Kimi ni Todoke II), Okabe Rintaro (Steins gate), Oda Nobunaga (Nobunaga the Fool), Ichinose Tokiya (Uta no Prince-sama) e por ai vai...

Bem, como podem ver, todos esses personagens tem uma coisa em comum: Um Seiyuu chamado Miyano Mamoru, que também é um cantor e até já participou do musical e do live-action de The Prince of Tennis, Mas seu primeiro trabalho como ator foi em 1992, em Tokusou Exceedraft, onde apareceu em um flashback do passado de um Yakuza, como criança.

Ele começou a dublar com o personagem Riku de Kingdom Hearts, pra PS2 e GBA. Ele continuou fazendo a voz do Riku em Kingdom Hearts: Chain of Memories, Kingdom Hearts II e Kingdom Hearts Re:Chain of Memories. Ele já ganhou oscars de dublagem, principalmente com o Raito e Setsuna F Seiei. 

Discografia

Albums
[2013.09.18] Passage
[2012.04.18] Fantasista
[2010.08.04] Wonder
[2009.03.11] BREAK

Singles
[2014.02.19] NEW ORDER
[2013.04.10] Kanon
[2012.11.14] Ultra Fly
[2011.11.16] DREAM FIGHTER
[2011.07.13] Orpheus
[2010.12.08] Hikaru, Hikari
[2009.10.21] REFRAIN
[2009.07.29] J☆S
[2008.12.03] ...Kimi e
[2008.06.04] Discovery
[2007.05.23] Kuon

Falando Sobre: Suga Shikao


Com sua carreira com mais de 10 anos de vida, várias de suas canções foram usadas no anime Honey e Clover, incluindo Hachigatsu no Serenade , Tsuki to Naifu e Yubikiri. Yozora no Muko , a música que ele escreveu a letra, e cantada por Smap , já apareceu em vários japonesa livros de música.

 Ele também fez a música-tema do filme de xxxHOLiC: Manatsu no Yoru no Yume , Sanagi ~ tema de filme xxxHOLiC ~ e a canção tema para o xxxHOLiC série de TV chamada 19 sai. Manatsu no Yoru no Yume apareceu no filme live action de Death Note (o primeiro) como uma canção de inserção (Canção que toca na morte da namorada do raito). Além disso, sua canção Yudachi foi usada como tema de encerramento do filme Boogiepop and others e tema de abertura de Boogiepop Phantom. Nobody Knows foi usada como tema de abertura de xxxHOLiC Kei, Hajimari no Hi foi usada como tema de abertura de Tegami Bachi e Depois de um ano e três meses, ele lançou a segunda abertura da sequela, Yakusoku . sofá foi outra canção utilizada em xxxHOLiC: Shunmuki em 17 de fevereiro de 2009, e Aitai no Dorama de xxxHOLiC.

 Ele quem fez Real Face pra banda Kat-tun e Aozora Pedal pro Arashi. Happy Birthday foi uma música que ele criou para a Kyoko cantar no primeiro filme de Detective Conan, e a versão dele também entrou para a OST de Honey e Clover. Ele também é compositor, Junto com Yamazaki Masayoshi, de Eien to Yu Basho (Um lugar chamado eternidade), Primeira abertura de Corrector Yui, cantada pela Kyoko (os três perteciam na época à mesma gravadora, mas em 2010 o Suga decidiu deixá-la)

 Por curiosidade, O nome 'Clover' de Honey e Clover é emprestado do nome do primeiro album de estúdio do Suga e um dos personagens do mangá/anime, Takumi Mayama, é baseado nele.

 Suga Shikao também foi cliente de Watanuki em um Oneshot especial desenhado pela clamp, comemorando os 15 anos de carreira dele.

 No youtube, pode ser encontrado em 3 partes o show dele chamado FAN-KEY Parade 2007. Uma boa pedida pra quem quer conhecer outras músicas dele, fora animesongs.

 Esta maluca que vos fala possui todos os álbuns de estúdio dele, músicas extras dos singles, ao vivo e parcerias, como a cantora Yui, Bonnie Pink e Yamasaki Masayoshi. Ou seja, adoro as músicas dele.

 Seu último single, chamado Astride/Life, foi lançado dia 21 de Maio. (Tesouro esse que já está em minhas mãos *3*)

Falando Sobre: Seigi no Mikata


Voltando as minhas recomendações, que na maioria das vezes são adaptações de mangás. Agora falarei sobre o dorama e o mangá Seigi no Mikata.

 De início, não botei fé. Estava na fase de assistir apenas doramas no pc (antes da fase de assistir quase 600 epis de Detective Conan, que me durou uns quatro meses) e decidi ver o primeiro epis. Sério... pra quê? A cena da Shida Mirai fazendo careta foi um dos momentos que eu mais ri da minha vida. Tive de pausar o video por quase 45 minutos, tentando me controlar, e ainda fui pra faculdade dando altas risadas.

 O dorama, de 10 episódios, foi ao ar em 2008 e você pode encontrar ele legendado em português pelo Sora~D Fansub. O mangá, escrito e desenhado por Hijiri Chiaki, tem no total de 7 volumes, lançados entre 2004 e 2008.


 A história fala sobre uma garota de 15 anos chamada Yoko, que é infernizada o tempo todo pela irmã mais velha, Makiko. Só que Makiko não é ruim só com ela, mas com todos a sua volta, mas com ela tem uma sorte de dar inveja, as coisas ruins acabam se tornando boas (não sei como, mas vai entender essas coisas, né? =,=') e Makiko acaba recebendo a alcunha que dá nome a obra, para o pavor de Yoko.


sexta-feira, 11 de julho de 2014

Falando sobre: SANA 2014















Com uma edição que está de arrasar, o SANA vai trazer para seu querido público grandes atrações nacionais e internacionais. Cantores, Dubladores, Gamers, Stands, Mangás, Games, Exibição de animes, Salas temáticas, K-POP, entre muitas outras novidades. Já fui ao evento uns anos atrás (sou Cearense) e me senti maravilhada com o vasto conteúdo apresentado. Estou muito ansiosa e nem sei se conseguirei ver tudo que está disponível nesses três dias. É muita coisa mesmo! *3*

Eizo Sakamoto, Nobu Yamada, Ricardo Cruz, Shi-no ( vocalista da banda japonesa Gram∞MariA), Yuki (Ex-integrante da banda Raphael e vocalista do duo RICE), Almah (banda do Edu Falaschi), BACK-ON, Wendel Bezerra e Tania Gaidarji são os principais nomes confirmados para o evento. Vai ser muuuuuito bom!

Em breve, postarei mais detalhes sobre o evento /o/

Falando Sobre: Hammer Session!



Bem, falar de Hammer Session! dessa vez. Eu recomendo muito o dorama e o mangá. Eu conheci o dorama primeiro, e gostei muito. Para quem gosta de GTO, ele é o mesmo estilo. Só que... o professor da vez é um vigarista procurado pela polícia.

 Dois prisioneiros, um gangster e um vigarista, conseguem fugir depois que o furgão da polícia se envolve em um acidente. O vigarista, conhecido somente por “Otowa nº. 4″, tem como alvo de seus golpes terroristas, criminosos, corruptos, e reverte esse dinheiro para quem precisa. Depois do acidente, eles presenciam um professor tentando incendiar uma escola, e, para se esconderem e não denegrirem a imagem da escola, fazem um pacto com o diretor: Otowa nº. 4 viraria o professor da “turma problema” da escola com o objetivo de endireitá-los, fazendo “Hammer Sessions” com seus alunos mais problemáticos.

 Hammer Session é uma gíria mexicana que significa quebrar regras e customizá-las desde o início. No caso, Otowa YonGo se aproveita do psicológico dos alunos e dos envolvidos para quebrar as regras que prendem cada um deles e as recria.

 Algumas diferenças e peculiaridades do mangá e do dorama:
 ~ Se ele ingere bebida alcoólica, ele ativa seu modo vigarista.
 ~ No dorama, a parte ecchi do mangá foi transformado em insinuações que o personagem faz à enfermeira da escola, que sempre o rejeita. No mangá, qualquer insinuação (cenas ecchi envolvendo a professora ou alunas) o faz virar pedra de tão inocente que o coitado é.
 ~ O colar do dorama não existe no mangá.
 ~ Ele consegue escapar de policiais por uma simples troca de dente.
 ~ No mangá, ele é preso, mas foge da cadeia no final xD
 ~ Em Hammer Session! in High School, após fugir da cadeia, ele se torna aluno de uma outra escola. (Com o gangster na cola xD)
 ~ A personagem Tachibana e seu pai só existem no dorama.





Falando Sobre: Kaji Eiri



Agora vim trazer mangás shoujos de uma mesma autora, a Kaji Eiri. Ela tem mangás publicados na editora Tousuisha, conhecida por publicar mangás shoujo e shounen-ai. Kaji-sensei começou em 2005 com Teikoku Kyoudai, um shounen-ai que não é Shounen-ai (Heim? MASOQ?) Explicando. Os dois personagens são meio-irmãos, e um deles tem complexo pelo outro, então não é como se houvesse um romance entre eles.

 A história é sobre dois meio-irmãos, Robert (o mais velho, de cabelos pretos e capitão da guarda real) e Emile (1 ano mais novo que Robert e mulherengo), que só tomaram conhecimento um do outro há três anos atrás.

 Em 2007, é a vez de Keishichou Tokuhanka 007, um mangá shoujo que envolve mistério, cenas de crime, detetives e ESP. A história começa com a chegada da garota de 17 anos, Ichikawa Fuyuki à delegacia de polícia, para trabalhar na unidade de investigação de crimes especiais 007 (007 te lembra algo? xDDD ), e ela acaba sendo parceira de Kuze Kyouishirou. Fuyuki tem habilidades sobrenaturais, usando-as para auxiliar na resolução de casos difíceis. (Nota: Esta que voz fala chegou a traduzir sozinha 3 volumes deste mangá pois eu adoro esse mangá.)

 Em 2012, temos Kanuishu wa Akuma, um mangá ainda mais hilário que TK e KT007, por onde encontramos Nora, uma garota órfã que é ostracizada pelas pessoas ao seu redor por causa de seus cabelos ruivos. Após certos acontecimentos que quase a leva a morte, ela passa a ser mascote de Albreich, um demônio super poderoso que trabalha para a igreja.

 Bem, tirando os 3 volumes que eu traduzi, todas as obras de Kaji-sensei podem ser encontradas em inglês. Infelizmente, Teikoku Kyoudai possui apenas 10 capítulos, visto que o scanlator está inativo desde dezembro de 2012. EvilFlowers está com KT007, já no volume 9 e Phoenix Serenade Scans está no 3º volume de Kanuishu wa Akuma

 Nos três mangás, tem sempre um personagem sacama que gosta de implicar com os protagonistas. Em Teikoku Kyoudai, temos o imperador, amigo de infância de Robert, que sempre dá a eles missões bem loucas. Em KT007, temos o médico legista que sempre deseja dissecar a Fuyuki e em Kanuishu wa Akuma, temos o papa, que de alguma maneira tem contato com todo o tipo de demônios e gosta de paparicar a Nora.




Falando Sobre: Amefurashi no Uta e Soredemo Sekai wa Utsukushii


Amefurashi no Uta é cantada por Rena Maeda, Seiyuu de Nike, a quarta e mais jovem princesa do pequeno reino da chuva. Após perder logo de cara das outras 3 irmãs (puts, decidir no Pedra-Papel-Tesoura quem vai ser a noiva do rei do sol foi show pra mim) ela vai para o reino do sol encontrar seu futuro noivo. Mas para a surpresa dela, o rei sol não passa de uma criança, Livi. Durante seus 3 anos de trono, Livi conseguiu a façanha de conquistar o mundo, sendo um rei tirano e cruel. Mas Nike também não é uma garota qualquer. Usando a própria voz para recitar encantos, ela é capaz de controlar o vento, e quando começa a cantar, ela consegue fazer chover num reino onde apenas só se tinha sol. Será que ela e Livi se tornarão mesmo marido e mulher? Nike conseguirá mudar Livi? E o que há por traz do frio e cruel rei do sol?




 Quando eu vi a listagem de animes de Abril, quase cai pra traz, pois não imaginava que um dos mangás que eu estou acompanhando ( e que está aqui no blog) teria sua adaptação em anime. Fiquei muito feliz. Comentei com meu marido (Sim, sou casada e ele também curte anime, essas coisas xD) e de início ele não botou fé. Mas só foi ver o Livi que ele se interessou, pois ele gosta de personagens que são frios, cruéis, etc. Ele está acompanhando comigo, e está gostando muito. (fora que o seiyuu preferido dele faz um dos personagens rsrs)

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Ainda firme e forte


Pintura feita for mim no Photoshop =D

É eu sei. Devido a ultima postagem daqui e da página do Facebook, muitos podem achar que abandonei este blog. Mas estão errados. Eu tenho acrescentado sim, conteúdos e acrescentando novos dados, só que eu não possuo mais tanto tempo livre como antigamente para aqueles pacotes de atualizações que eu fazia antes, por culpa do dito cujo evento citado abaixo, ao qual sou organizadora solo, fora que o PC que eu uso, eu tenho que dividir ele com outra pessoa, o que não me ajuda em nada. Eu tenho muito orgulho deste blog, que, diferente dos outros que eu tive, nunca teve um retorno tão gratificante. Estou preparando algumas novidades, que começarão com a aparência do blog. mega-atualização das páginas e a criação de uma nova página, por onde eu colocarei os mangás que tenho comigo em mãos.
Quanto a Keishichou Tokuhaka 007, por enquanto sem mangá por um bom tempo. Ao invés disso, vou passar a postar aqui em texto mesmo páginas em inglês e a tradução do que está escrito. O que acham? Melhor do que ficar esperando, né? Vai que algum tradutor queira usar minhas traduções e ter KT007 como projeto?
Vou ver se trago Kanuishu no Akuma também, que é da mesma autora.
Também estou vendo a possibilidade de trazer minhas Fics, fotografias (de paisagens claro), pinturas de mangá e poesias para cá, para mudar um pouco a cara do blog, assim me dando mais motivos para postar na linha do tempo do blog. Gostaria muito de saber o que pensam sobre isso.

Bem, é isso. Aguardem boas novidades.